Documento sem título

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

 
 
Documento sem título
 
 

 
 
Pesquisa da EBD
Aliança Batista Mundial
Seminário Teológico Batista de Niterói
Ministério OIKOS
Junta de Missões Nacionais
Junta de Missões Mundiais
Convenção Batista Fluminense
Convenção Batista Brasileira
 
Contadores de Acesso:
Total de visitas: 195602
Visitas hoje: 143
Documento sem título
 
 
  Estudo
 
 
SE OS HINOS FALASSEM II (MÚSICA)
 

MAS SOBROU A MALA

Numa noite fria, um trem se dirigia à Chicago, repleto de pessoas que tinham passado o natal na região leste do país, entre elas, estava o casal Philip P. Bliss. Tudo corria bem quando, de repente, a ponte sobre a qual o trem passava desmoronou. Bliss sobreviveu à queda, mas, na tentativa de salvar sua esposa acabou morrendo. Poucos foram os sobreviventes. Alguns pertences foram recuperados. Philip e sua esposa morreram, mas sobrou a mala. Nesta mala haviam hinos, alguns desconhecidos até então. Bliss dirigia a música nas conferências comandadas pelo Major Whittle. Seu sucessor foi James McGrannahan. James viu as letras que estavam na mala de Bliss e gostou especialmente do "Cantarei de Cristo? (399 do Cantor Cristão), tanto que compôs sua melodia. Esta música teve grande aceitação logo quando foi apresentada pela primeira vez.

 

O ACRÓSTICO QUE DECIFROU O MISTÉRIO

Durante 126 anos este mistério não tinha sido revelado totalmente. Historiadores consideraram que o autor do hino, também era autor de uma pequena coleção de poesias. Considerando que a resposta tão procurada poderia estar dentro deste pequeno livro, o pesquisador examinou com muito cuidado e encontrou uma poesia que continha, através da primeira letra de cada linha, o nome de Charles Perronet e Damaris Perronet. Logo foi localizada outra poesia que continha, de igual modo o nome do autor. Trata-se de Edward Perronet, contemporâneo de John Wesley. O hino que não tinha autor conhecido chama-se "Saudai o Nome de Jesus?. Este hino ganhou grande notoriedade quando recebeu melodia tão bela quanto à letra. Curioso é que este hino é executado em três melodias. A primeira se chama "Miles Lane?, escrita por William Shrubsole. A segunda é chamada "Coronation? (coroação), escrita pelo norte-americano Oliver Holden. Esta melodia é a segunda música no cantor cristão. A terceira e mais conhecida pelos batistas brasileiros é "Diadem?, escrita por um jovem inglês chamado James Ellor. A tradução que temos foi feita por Justus H. Nelson, missionário metodista.

 

O CALVINISTA

Aos 16 anos, Toplady passou por um celeiro, quando percebeu que acontecia uma reunião e decidiu entrar. Era um culto realizado por pessoas simples. Ele não resistiu e se converteu. Considerou curioso o fato dele ter percorrido lugares tão influentes como a Inglaterra e ter encontrado Deus em um lugar tão remoto. Toplady se tornou um grande calvinista, principalmente nos seus últimos anos de vida. Era considerado impulsivo, imprudente às vezes em seu raciocínio. Chegou a ser considerado por um dos seus biógrafos corajoso como um leão, porém frágil como um vidro. Há no cantor cristão 2 músicas para seu hino, sendo uma escrita por Thomas Hastings, embora usasse muitos pseudônimos. A outra música foi elaborada por Edwin Othello Excell, que compôs mais de 2.000 músicas para hinos.

 

O GENERAL E O CABO

Este hino nasceu como fruto da famosa "Campanha Nacional de Evangelização?. O Dr. João Filson Soren foi escolhido para escrever o hino para esta campanha, por ser a expressão máxima dos batistas no mundo, através da presidência da Aliança Batista Mundial. Considerado como um dos mais versáteis, sendo pregador e orador eloqüente. Tinha muitas atividades, que o impediram de prepara este hino. O triste comunicado desanimou a comissão, que tinha pouco tempo para elaborar o hino e incluí-lo no hinário que precisava ser enviado a todo o Brasil. Foi convidado o grande poeta batista, General Mário Barreto França. Ele preparou um belíssimo hino. O desafio era conseguir encontrar a melodia ideal. Na noite que antecedeu a reunião em que esta música deveria ser apresentada, um  membro da comissão, de madrugada, sentou-se ao piano, preocupado em não ter a música. Em menos de 15 minutos a melodia tinha sido escrita tal como foi cantada em todo o Brasil. Nunca, em um período de 2 dias, um hino foi cantado por tantas pessoas (cerca de 250.000). O autor da música manteve segredo sobre sua importante composição, afirmando que o autor se chamava Nelson Mariante. Este segredo foi quebrado pelo próprio cerca de um ano depois. Trata-se de Bill H. Ichter, que durante a II Guerra Mundial serviu como cabo da "rainha das armas?, a infantaria. A melodia recebeu o título de "Campanha?. Trata-se do célebre hino "A única esperança?.

 

"KANTOR DA SINAGOGA?

Thomas Olivers viveu em um condado violento e imoral. Em sua juventude, envolveu-se neste contexto, tanto que ele mesmo afirma que sua vida havia se tornado "perversa e corrompida?. Tempo depois converteu-se ao ouvir a pregação de George Whitfield, tornando-se posteriormente pastor metodista. Em visita a Londres, visitou a Sinagoga de Dukes Place. Ouviu um cantor famoso chamado Meier Leoni, este cantou o Yigdal, uma Doxologia hebraica. Olivers  ficou tão impressionado com a melodia que, ao voltar ao seu quarto, escreveu um hino de adoração que casou-se muito bem com aquela bela melodia de origem judaica. Fato é que este hino teve grande repercussão principalmente entre os metodistas. Este hino tem sido instrumento de evangelização porque a melodia judaica aproxima os judeus. Esta melodia recebeu o nome de "Leoni? em homenagem ao cantor da sinagoga. Trata-se do hino "Ao Deus de Abraão? (nº 14 do Cantor Cristão). A tradução foi feita por Robert Hawkey Moreton, autor de outros hinos como nº 33 e 521.

 

O MAIOR ESCRITOR DE HINOS DE TODAS AS ÉPOCAS

Falamos da famosa família Wesley, fundadora da igreja metodista e preciosa colaboradora à hinologia. Ainda sobre sua família, sua mãe, antes de perder a fala, pediu aos filhos que cantassem um Salmo de louvor a Deus quando ela partisse. Assim eles fizeram. Charles Wesley, filho de Samuel e Susanna, escreveu mais de 6.500 hinos. Merece destaque o hino "Refúgio? (nº 326 do Cantor Cristão). Grandes homens como Robert McCutchan e H. Augustine Smith atestaram a grandiosidade deste hino como um dos maiores, além de se espalhar por todo o mundo e todas as línguas. Este hino foi publicado após dois anos, em um livro chamado "Hymns and Sacred Poems?. Este livro elaborado pelos irmãos John e Charles Wesley não informou a autoria deste hino, porém o estilo e a linguagem favorecem Charles como autor. A primeira música foi escrita por Simeon Butler Marsh, cujo título é "Martyn? ou "Ressurreição?.

 

O PREGADOR AOS PESCADORES

Henry Francis Lyte amava o mar desde criança, mas por motivo de saúde, aos 54 anos, precisava ir para o sul da Itália para ficar longe do ar salgado e permanecer vivo dada saúde tão precária. O mar para ele era fonte de inspiração alem de primeiro ouvinte de seus sermões. Ele sempre estava próximo ao mar, fazendo anotações. Preparou a igreja que pastoreava, pregou o seu último sermão, despediu-se do mar. Neste mesmo dia entregou a um parente muito querido o hino "Comigo assiste, ó Deus? (nº 261 do Cantor Cristão). Empreendeu então a longa viagem, mas não chegou até lá, falecendo em Nice, na França. Suas últimas palavras foram "Paz, Alegria?. Dificilmente suas criações esboçavam alegria, comumente tratavam de tristeza, ternura, sofrimento. O autor da música chama-se William H. Monk, recebendo o título de "Eventide? (crepúsculo).

 

"SEDE SANTOS, PORQUE EU SOU SANTO?

O filho de um dono de uma frota de navios sentiu-se impactado por estas palavras de Pedro. Ao ouvi-las novamente através de um missionário, William Dunn Longstaff chegou em casa e escreveu um hino que contivesse essa mensagem. Este foi publicado posteriormente. Bem longe dali, George Coles Stebbins, um músico batista estava na Índia participando de conferências proferidas pelo Dr. George Pentecost, quando lembrou-se desta letra e compôs a música executada até hoje. Stebbins elaborou melodias para cerca de 29 hinos, entre eles os hinos 7, 75, 175, 201 e 370. A tradução foi feita pelo "Pai do Cantor Cristão?, Salomão Grinsburg.

 

SE ELA NUNCA MAIS RESPONDER, QUE ACONTECERÁ?

O professor James Milton Black promoveu uma chamada diferente em uma reunião, onde cada um ao invés de responder presente, responderia com um verso bíblico. Chamou-lhe a atenção uma menina que, mesmo sendo chamada três vezes não respondeu. Essa atitude dela o levou a refletir "E se ela nunca mais responder, que acontecerá?? "Se ela morrer?? "Se Deus a chamar??. Por conta disso, ele começou a escrever um hino, em seguida escreveu cada nota musical, tal qual cantamos até hoje. Grande compositor, teve esta música como a mais conhecida de sua autoria, embora tivesse tantas outras composições. Trata-se de "Roll Call? (chamada).

 

UM VERDADEIRO CAVALHEIRO CRISTÃO

Um homem cantava na famosa Assembléia de Ridge-crest, emocionando muitos pela sua interpretação tão intensa. O autor do livro, presente neste evento comentou que não era preciso ter uma grande voz para ser um grande solista. Dias depois, este solista, B. B. McKinney morreu em um acidente. Sua força não foi suficiente para dar-lhe resistência. Sua contribuição à musica sacra da Convenção Batista do Sul dos Estados Unidos foi notória, tanto que 15 hinos, além de 19 melodias de sua autoria figuram entre grandes nomes como Wesley. O culto doméstico era fundamental na vida de sua família, tanto que, aos 8 anos, ele já cantava melodias suas para sua irmã mais velha escrever para não esquece-las depois. Segundo ele, muitos dos seus hinos não deveriam ser publicados, mas jogados fora, tamanha a sua modéstia. Destaca-se o hino "Cristo satisfaz minha alma?, cuja letra e música são de sua autoria.

 

BIBLIOGRAFIA

ICHTER, Bill H. Se os Hinos falassem. Volume II. Ed. Juerp, Rio de Janeiro, 1987. 3ª edição. 72 p.

Resumo elaborado por Roberto Teles da Silva

 
 
 
 
 
 
 
 
Documento sem título
 
       
Todos direitos reservados: Igreja Batista Central em Trindade 2009-2011   Desenvolvido por Clandevelop
R. Dr. Humberto Soeiro de Carvalho, 779, Trindade, São Gonçalo - RJ
Tel.: (21) 2701-8546